Xamanismo

Escrito por Fina.

Xamanismo: Um caminho de cura

Olá! Seja bem-vindo a este espaço de (auto)conhecimento e de conexões. Gostaria de trazer um pouquinho do que ando recebendo e estudando sobre um dos diversos caminhos espirituais que são possíveis de serem traçados: O Xamanismo.

Atualmente vem se popularizando e assim como muitas coisas quando chegam nas mãos do homem branco e envolvem dinheiro, tendem a se deturpar e a serem compreendidas erroneamente. Muitos trabalhos e rituais espirituais que ocorrem hoje em dia, nomeados de Xamanismo, não são, por isso alerto a todos os que gostariam de conhecer algum trabalho espiritual xamânico, que se informe muito bem antes, esteja consciente de onde coloca seus pés. Mas agradeço imensamente também a todos os trabalhos que levam o real Xamanismo com respeito e seriedade, que estes lugares continuem disseminando luz, curando e despertando pessoas.

fina

Mas afinal, o que é Xamanismo?

De acordo com Gramacho (2002) em seu livro “Magia Xamanica: Roda de Cura”, o Xamanismo é uma das maneiras mais sagradas de viver a vida e de se relacionar com o universo, a Terra e todas as formas de vida que nela existem, além de conviver harmonicamente com os outros níveis da realidade não-comum (aqueles que estão além da experiência do mundo físico).

Xamanismo é um estado de consciência, encontrado em todas as épocas, desde o surgimento do primeiro homem sobre a face da Mãe Terra, desenvolvido para compreender o meio ambiente e viver pacífica e harmonicamente com ele.

Por isto mesmo as práticas xamânicas são opostas ao centralismo da cultura e do conhecimento ocidentais, que são limitados por visões reducionistas e com outras visões sobre natureza.

A palavra xamã, originária da língua tunguska, Sibéria, significa aquele que tem o conhecimento, o que conhece os segredos, o que detém o poder de visitar os outros mundos. Quem faz ou é tudo isso senão as nossas curandeiras, anciãs, pajés, homens e mulheres medicinas, que existiram a milhões de anos atrás e ainda estão presentes na nossa sociedade, reclusos no meio das matas ou trabalhando dentro das cidades, trazendo seus conhecimentos das formas que forem possível.

25465639_10214528601311679_1873885456_n

O que há no xamanismo para despertar o nosso interesse?

A sabedoria, o conhecimento ancestral, conexão com seu sagrado feminino e masculino, o amor à natureza.

Vejo que o Xamanismo está se fazendo mais presente agora, porque as pessoas estão buscando mais a espiritualidade, buscando o que as movimenta, o sentido da vida. E esta linha espiritual é muito especial pois te conecta com o lugar de onde viemos, que sempre esteve conosco: A Grande Mãe, O Grande Espírito, Vovô Sol, Vovó Lua. O divino não está lá nas alturas, longe, está aqui conosco e em tudo.

Encontrando a sua cura pelo Xamanismo

Os povos indígenas interpretam a cura como uma conseqüência da relação harmônica do homem com a natureza. A cura, nesta ótica, não significa a supressão imediata dos sintomas ou a resolução, instantânea, dos desequilíbrios que provocaram a desconexão do homem com o Todo sagrado e universal. Ela pode ser até o simples reconhecimento dos potenciais internos de transformação de cada um, mas, com certeza, representa sempre uma nova oportunidade. (Gramacho, 2002)

Curar-se é desapegar-se do medo. Aliás, o contraponto do amor não é o ódio, mas o medo que nos impede de nos entregarmos de forma plena e inteira, de deixarmos fluir o ciclo da vida e das relações. Em todas as tradições xamânicas os processos de cura se realizam por meio de desapego, perdão, liberação e amor.

“Para encontrar uma forma de cura especial, que pudesse responder a um desafio ou a um problema pessoal, nossos ancestrais caminhavam com freqüência pelas florestas ou sobre os rochedos das montanhas em busca de indicações ou sinais que pudessem auxiliá-los na cura e na sua busca de Sabedoria.

Esta Caminhada de Cura constituía um meio de restabelecer os laços com os seus Guias, ou Ajudantes de Cura. Mesmo em nosso mundo agitado de hoje é possível encontrar este Caminho de Cura, se o buscador se dispuser a ler e a entender os sinais da natureza.” (Jamie Sams, in Sacred Path Cards: The Discovery of Self through Native Teachings).

Espero que encontrem seus caminhos de cura, não existe certo ou errado, tudo é! E cada um possui sua caminhada e seus aprendizados. Desejo toda luz e amor para os que lerem estas palavras. Namastê.

Haux Haux

Referências

GRAMACHO, Derval & Vitória, 2002. Magia Xamânica: Roda de Cura. Produção: Equipe Técnica Madras. P. 6 à 10

 

Anúncios

Categorias:Espiritualidade, XamanismoTags:, , , , , , ,

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s